Curso de Psicologia possibilita atendimentos em Ação Social da Igreja da Quadrangular e FAPAN

athenas Institucional, Psicologia

Docentes e acadêmicos de Psicologia da FAPAN participaram da Ação Social promovida pela Igreja da Quadrangular em parceria com a FAPAN no último dia 27 de abril, no Bairro São José.

O Coordenador do curso, Prof. Rodrigo Brito; as Psicólogas Prof.ª Tânia Busetto e Prof.ª Glayce Bertini; e os estudantes do 9º e 10º semestre de Psicologia da Instituição ofereceram orientação psicológica, através de uma abordagem voltada para as queixas emergenciais, com uso do envolvimento existencial para ouvir o sujeito de maneira empática e com o distanciamento reflexivo. Assim, o estagiário faz as orientações seguindo o compromisso ético.

Além disso, foi oferecido na ação, o acolhimento para que as pessoas sejam atendidas na Clínica-Escola da Faculdade do Pantanal.

O objetivo da participação dos alunos na ação foi de exercer o compromisso ético da Psicologia com a sociedade, onde o curso age no protagonismo de atender a população, e os estudantes vivenciam a experiência de cuidar da saúde mental da população.

“Esta é uma ação muito importante para os acadêmicos do curso de Psicologia praticarem toda teoria e colocarem em prática seus conhecimentos à serviço da comunidade cacerense. O projeto é altruísta e nossa participação somou com o trabalho que estamos desenvolvendo dia a dia com os nossos acadêmicos”, explicou Glayce Bertini, Professora e Coordenadora da Clínica-Escola.

“A vontade é de participar mais destes eventos, pois percebemos a grande necessidade de ter um psicólogo em cada setor de nossa cidade. Sabemos que esta profissão é a profissão do século, pois é necessário ter um psicólogo nas escolas, nos postos de saúde, nas comunidades, nas igrejas” opinou Roberto Cabral, acadêmico do 9º semestre.

“Nestes projetos temos a oportunidade de levar a prática psicológica até as pessoas que mais necessitam e por diversos fatores não tem acesso. Além disso, os acadêmicos se beneficiam experienciando do contato direto com o sofrimento humano a chance de articular teoria e prática junto à comunidade” disse a Profª. Tânia Busetto

Psicologia na ação da Quadrangular (1)

Psicologia na ação da Quadrangular (2)

Psicologia na ação da Quadrangular (3)