Área Restrita

[Dica do Coordenador] – A importância do Nutricionista

09/02/2017
Notícias
Graduação




Por Phelipe Auerswald do Amaral, Coordenador do curso de Nutrição da FAPAN


A qualidade de vida está intimamente relacionada com o aumento da expectativa de vida da população. Neste contexto, a alimentação tem papel fundamental na promoção da saúde e a profissão do Nutricionista está sendo cada vez mais valorizada.

A alimentação evoluiu e deixou de ter o único papel de saciar a fome para assumir o papel de combate do envelhecimento precoce, fortalecimento do sistema imunológico, aumentar a performance esportiva, prevenção e tratamento de doenças crônicas. O profissional nutricionista é capacitado para melhorar a qualidade de vida, de um modo geral, através da alimentação.

O nutricionista é o profissional que através do domínio de nutrientes e suas combinações, pode promover o melhor aproveitamento deles no organismo, além disso, esse profissional é capaz de ajustar cada nutriente na quantidade ideais que devem ser individualizados, afinal, bioquimicamente falando nenhum ser humano é igual a outro, somos únicos.

Devido à crescente preocupação com a saúde e forma física o profissional nutricionista está cada vez mais solicitado. As áreas que concentram maior número de oportunidades são a de nutrição clínica, saúde coletiva e alimentação coletiva. Porém existem outras inúmeras áreas de atuação, tais como, nutrição clínica, hospitalar, ambulatorial, domiciliar, entre outras.


 

Galeria

Veja Também

23/07/2013
Institucional

alunos-desconhecem-como-funciona-a-pontuacao-do-enem-

As provas do Enem serão aplicadas nos dias 26 e 27 de outubro A maior parte dos estudantes tem dúvidas sobre como funciona a pontuação final do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Segundo pesquisa divulgada pelo Ibope, feita pelo painel Conectaí, com 1.953 usuários que navegaram no site do Guia do Estudante, entre 4 e 9 de junho, 86% dos estudantes entendem mais ou menos ou não entendem como são pontuados. O levantamento mostra que 62% dos estudantes entendem mais ou menos como funciona a pontuação, 24% não entendem e 14% entendem muito bem. A pesquisa mostra também que 23% dos estudantes desconfiam do sistema de correção do exame, 20% não confiam nem desconfiam...

Comentários

CAPTCHA Image
Recarregar Imagem